O Sucesso da 8ª Edição do Festival Felinto Lúcio Dantas

Postado em: 4 de julho de 2017 | Sem avaliação

Download PDF

Foram três dias de intensa atividade musical em Santuário. Concertos didáticos, master classes e encontro de bandas foram os eventos que causaram a efervescência cultural vivida em Santa Cruz durante esse final de semana. Bandas de Música do Rio Grande do Norte e da Paraíba trouxeram ao palco do Teatro Candinha Bezerra, o melhor da música instrumental, tanto popular quanto erudita.

Nas ações formativas o Festival teve a Orquestra Potiguar de Clarinetas, sob o comando do professor João Paulo, promovendo concertos didáticos para alunos da rede pública e para os membros da APAE (de Santa Cruz). Os Master Class contaram com a presença de grandes músicos e professores como Ivo Shin (Flauta Transversal), Costinha (Saxofone), JP (Clarineta), Rudson Ricelli (Trompete), Pedro Augusto (Trombone), Léo Silva (Percussão), Paulo Silva (Música de Câmara), Eugénio Graça (maestro Português que ministrou Regência e Prática de Conjunto). O Festival teve ainda alguns momentos de homenagem, como a primeira noite que foi oferecida à memória do poeta Hugo Tavares e ao professor Radegundes Feitosa, dois grandes defensores da cultura e das bandas de música. Na segunda noite o Festival recebeu a professora Margareth Keller (Suíça), que desenvolve um belo trabalho de incentivo às Bandas de Música no Estado do Rio Grande do Norte há quase 30 anos.

O festival é uma realização da Prefeitura de Santa Cruz (RN), através das Secretarias de Assistência Social, de Educação, de Cultura, de Esporte e de Transportes; Fecomércio / Sesc (RN), através da Gerência de Cultura e Lazer; e ASSOMUSC (Associação Musical de Santa Cruz). Contou com o apoio do IFRN, Campus Santa Cruz.

Fonte: Maestro Aldo Correia

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *