PERFIL: Luiz Gonzaga – O Rei do Baião

Postado em: 21 de junho de 2017 | Sem avaliação

Download PDF

Olha pro céu, quem de lá se vê é o Rei do Baião. A sanfona afinada, pronta para soar a música aos ouvidos dos dançarinos da pista. Luiz Gonzaga do Nascimento, nascido no dia 13 de dezembro de 1912, há mais de longos 100 anos. Um músico eterno, de alma única como suas melodias. Uma história de mais um artista que espalhou um estilo musical pelo Brasil, apresentou Pernambuco para tantos e estendeu as belezas artísticas do Nordeste para além de suas fronteiras.

 

A cidade de Exu presenteou o mundo com o querido Rei do Baião, e a querida Recife o pôs para dormir sem deixar que sua sanfona parasse por um minuto. A eternidade do som que nem jiló, que invadia os ouvidos dos apaixonados pela sanfona num belo Luar no sertão. Gonzaga era um artista diferente. Um nordestino de raízes fortes, coração gigante e talento de sobra. Um músico que até os dias de hoje faz falta para as rádios entoarem os sons.

 

Orgulho nordestino, Pernambuco para o mundo

 

A cada letra melódica suave oriunda da sanfona, uma história do interior de Pernambuco era soada. Numa época de esquecimento da região pelo restante do país, Gonzaga tratou de acabar com o preconceito, expôs sua cara e a face do nordestino. O homem que só queria um xodó acabou ganhando o Brasil… o Brasil e o mundo, aliás. O encanto por Gonzaga atravessou fronteiras, atingiu corações e encontrou o amor que ele tanto procurava para lhe fazer parar de sofrer por seus fãs.

 

O mundo viu o Nordeste. No rosto humilde, na pele marcada da lida forte de um trabalhador do interior nordestino e com um talento exorbitante. Luiz Gonzaga, o querido Rei do Baião, não passou os anos 1940 tocando em bares e bordéis cariocas à toa. Foi a partir de lá, de noites incessantes e mal dormidas, que o sanfoneiro saído da pequena Exu se tornou um dos Gigantes da Música Nacional; um dos maiores da história rica e artística brasileira.

Classificação

This work is licensed under a Creative Commons Attribution-ShareAlike 4.0 International License.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *